5 pilares da organização financeira da sua empresa.

December 4, 2017

O trabalho diário de gestão exige muito do administrador, afinal, é uma tarefa que envolve cuidados, conhecimento na área e controle sobre todos os processos. Por essas e outras é que o departamento financeiro se mostra como um dos setores mais importantes para qualquer empresa.

 

Porem, muitos proprietários das pequenas empresas acabam colocando a organização financeira em segundo lugar (sim, acontece muito!), dando prioridade às operações diárias de produzir e vender (que também é parte fundamental do negócio).

 

É comum encontrar também, algumas pequenas empresas que não conhecem os valores exatos a receber no dia ou, às vezes, sem controle de caixa que permita apurar se todos os recebimentos e pagamentos estão corretos e se o saldo em caixa confere com as entradas e saídas de recursos.

 

Com as informações acima, nós da BÊ À BÁ, entendemos que existem 5 pilares da organização financeira essencial ao seu negócio.

1. Fazer um planejamento orçamentário - Em toda e qualquer empresa deve haver planejamento financeiro com objetivos, projeções e estratégias bem definidas. Devemos ter em mente que o fluxo de caixa é peça fundamental de todo quebra-cabeça financeiro.

 

2. Não misturar a conta pessoal com a conta empresarial - Uma falha recorrente entre proprietários é achar que por serem donos do negócio, podem misturar a conta pessoal com a conta empresarial. Isso é um erro dos graves, e possivelmente um grande passo para grandes problemas futuros.

 

3. Acompanhar as entradas e saídas de dinheiro - A melhor maneira de manter as despesas sob controle é acompanhar as entradas e saídas de dinheiro através do fluxo de caixa. Isso permite que o gestor tenha uma visão ampla da situação financeira do negócio.

 

4. Diferencie custos fixos e variáveis - A maioria dos gestores identifica facilmente despesas e receitas, porém, ainda pode ser um processo complicado separar os custos fixos dos custos variáveis. Essa diferenciação realmente pode levar em conta critérios diferentes, de acordo com o tipo de empresa e os negócios que realiza. Mas é importante compreender pelo menos as diferenças básicas.

 

5. Peça ajuda de um profissional - Nada impede que o proprietário da empresa, ainda que seja o gestor financeiro, procure apoio de um profissional competente para ajudá-lo a organizar as finanças e evitar prejuízos.

Conte sempre com a BÊ À BÁ dos negócios, para implantar de forma simples e eficaz estes 5 pontos que podem mudar a história de sua empresa.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Featured Posts

Expansão de franquias em função da escalabilidade

January 3, 2019

1/1
Please reload

Recent Posts

February 5, 2019

Please reload

Archive